Intro

Bem vindo ao blog Cuiqueiros, um espaço exclusivamente dedicado à cuica – instrumento musical pertencente à família dos tambores de fricção – e aos seus instrumentistas, os cuiqueiros. Sua criação e manutenção são fruto da curiosidade pessoal do músico e pesquisador Paulinho Bicolor a respeito do universo “cuiquístico” em seus mais variados aspectos. A proposta é debater sobre temas de contexto histórico, técnico e musical, e também sobre as peculiaridades deste instrumento tão característico da música brasileira e do samba, em especial. Basicamente através de textos, vídeos e músicas, pretende-se contribuir para que a cuica seja cada vez mais conhecida e admirada em todo o mundo, revelando sua graça, magia, beleza e mistério.

(To best view this blog use the Google Chrome browser)

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Cuiqueiros 3 - Casemiro


Casemiro Vieira

Quem acompanha o trabalho da Velha Guarda da Portela certamente já conhece o Sr. Casemiro, mas pra quem ainda não teve esse prazer, segue uma breve descrição sobre ele encontrada no livro A Velha Guarda da Portela, de João Batista M. Vargens e Carlos Monte:

Nasceu em São João de Meriti, em 4 de março de 1921. Exerceu a profissão de ladrilheiro e teve três filhos. Tocou cuica na bateria da Portela durante muitos anos. Em um desfile, conseguiu o feito heróico de acertar a bateria da escola, que havia atravessado o ritmo ao desviar de uma enorme poça na pista. Casemiro e sua cuica ficaram de frente para o grupo até a harmonia ser recuperada. Incorporou-se à Velha Guarda da Portela no início dos anos 1980, em substituição a Olímpio. Segundo ele, “o segredo do instrumento é saber encourar, saber amarrar a vaqueta da cuica, a marca do passo”. Afirma que “a maioria dos cuiqueiros de hoje não sabe disso” e conclui: “A afinação da cuica da Velha Guarda é diferente de todas as outras”. Na sua opinião, o maior cuiqueiro que já se ouviu tocar foi o Boca de Ouro, da Lapa, e destaca como baluartes da Velha Guarda Monarco, Casquinha e Manacéa. Nos shows do grupo, Casemiro é apresentado por Casquinha como o “Leão da Cuica”. É também compositor, e sua música Tentação, em parceria com Ramon Russo, foi gravada no CD Tudo azul.

O Sr. Casemiro faleceu no dia 8 de janeiro de 2009, dois meses antes de completar 90 anos. Pude conhecer uma de suas filhas, a Dona Regina, que acompanhou o pai nos difíceis momentos que precederam o seu falecimento. Ela me contou algumas coisas sobre ele, como a forte teimosia que marcava a sua personalidade e uma história que me foi contada por outro ícone da Velha Guarda, o Sr. Monarco, comprova bem isso. É que ele usava querosene ao invés de água pra tocar cuica e o pessoal da Velha Guarda já não gostava muito do cheiro forte que ficava no ambiente. Acontece que surgiu um show pra Velha Guarda fazer em Paris, mas antes da viagem, o Monarco foi ao Casemiro e pediu pra que ele não levasse o vidrinho de querosene, temendo qualquer problema no aeroporto por conta do esquema antiterrorismo que alarmava o mundo naquele período. Imaginem só: “Velha Guarda da Portela é detida na França por suspeita de terrorismo!”. O Monarco estava coberto de razão, mas apesar do pedido, quando chegaram em Paris, lá estava o Casemiro com seu vidrinho de querosene. Outro caso engraçado é esse dele ser chamado pelo apelido de “Leão da Cuica”. A Dona Regina me mostrou também alguns pertences, fotos e documentos do pai, como a carteirinha da Portela e este papel aqui embaixo. Uma brincadeira que os seus companheiros da Velha Guarda gostavam de fazer com ele nos camarins.

Na foto: Casemiro (indicado por uma seta), com Tia Surica e Monarco


Como vimos, ele considerava o Boca de Ouro o maior cuiqueiro que já se viu tocar, mas também não era de bobeira não, pois tinha uma maneira muito particular de tocar e afinar o instrumento. Além de desfilar na bateria da Portela, participou também de algumas gravações, como nessa música aqui em baixo, gravada em 1966 no disco A Vez do Morro - Mensageiros do Samba da Portela, que até já foi citado aqui no CUIQUEIROS, na postagem Villa Candeia. 

Gota D'água (Candeia)


Infelizmente, o Sr. Casemiro já não está mais aqui pra contar suas próprias histórias e passar pra gente um pouco do que ele sabia sobre cuica, mas como bem resumiu sua filha no papo que tivemos: "ele soube aproveitar a vida". Segue um vídeo com imagens do Sr. Casemiro obtidas do filme O Mistério do Samba. Belas imagens!

.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Música 8 - Cozinha

Alô amigos!

Mais uma postagem musical! Dessa vez, a música é Cozinha (Ritmo com Osvaldinho da Cuica e Grupo Vai Vai). Essa gravação é de 1974 e saiu no disco Vamos Sambar - Osvaldinho da Cuíca e Grupo Vai Vai. O início da música é um passeio por improvisações de cada instrumento, mas sempre com a afinadíssima cuíca do Osvaldinho no acopanhamento, até chegar o momento do seu solo. Daí em diante, é melhor não falar mais nada, só escutar. Até a próxima!